App Vina tem sido a salvação para estabelecimentos de food service, que sofrem com a pandemia

Ele tem um nome tipicamente curitibano: Vina. E a ideia é realmente fortalecer o cenário de alimentação em Curitiba. O app, que chegou em Curitiba no mês de junho, vem sendo a salvação para bares e restaurantes locais, que estão sofrendo com a crise gerada pela pandemia do novo Coronavírus. A ideia da plataforma é oferecer um serviço de pedidos online com taxas bem abaixo daquelas cobradas por grandes players do mercado. Para se ter ideia, o Vina não está cobrando taxas até o mês de setembro, e após esse período, a taxa será de apenas R$ 1, em oposição a taxas que chegam a até 30% em grandes aplicativos.

“A ideia do Vina surgiu justamente de um movimento para que os estabelecimentos locais consigam se reerguer. Como trabalhamos com o setor de food service há um certo tempo observamos que as altas taxas cobradas pelos aplicativos não só estavam prejudicando os bares e restaurantes como também deixando-os reféns”, conta Juliano Haus, um dos idealizadores do projeto.

Assim, desde o começo da crise, os empresários Juliano Haus e Marcelo Ferri começaram a projetar um modelo de negócio que realmente ajudasse bares e restaurantes, proporcionando uma maneira segura para que o delivery continuasse funcionando sem tirar uma grande parcela do rendimento. “Não queremos entrar para a lista de maiores apps de delivery. Queremos formar uma rede de apoio com a qual os empresários do ramo possam contar”, diz Juliano.

Com isso, o app vem não só ajudando bares e restaurantes, mas também trazendo um novo fôlego para os estabelecimentos. “Participamos de um festival recentemente, apoiado pelo Vina, que foi fundamental para o faturamento mensal do nosso negócio. O festival comercializava pratos a R$29,90 e conseguimos vender 100 produtos somente desse festival, o que, neste momento de pandemia é extremamente considerável. Tendo em vista as taxas muito mais baixas, o faturamento foi muito positivo, o que não conseguiríamos com nenhum outro aplicativo”, conta Rafael Lafraia, chefe de cozinha e proprietário do restaurante Curry Pasta.

Entre as ideias do aplicativo está a de proporcionar constantemente festivais, que já são tradicionais na cidade, e no calendário já está previsto um festival de hambúrgueres. “Como um aplicativo nascido em Curitiba, temos que honrar a cultura gastronômica da cidade, e queremos poder trazer os já tradicionais festivais da cidade para dentro do aplicativo. Assim, os bares poderão ter na gente um suporte também nesse sentido”, diz Juliano.

Além disso, o nascimento dessa alternativa traz uma nova esperança aos empresários, que veem na iniciativa uma maneira de gerar maior competitividade de mercado e, assim, maior variedade de ofertas. “Começamos desde o início a usar, é uma proposta que beneficia muito os restaurantes e a grande vantagem é o auxílio para os restaurantes. As taxas praticadas pelas grandes empresas são taxas extremamente altas, quase impraticáveis neste momento, mas muitos locais acabam ficando refém. Com a chegada do Vina, esperamos que esse cenário se transforme e que em breve a gente possa estar bem novamente”, finaliza Diego Czelusniak, proprietário do Armazém 71 Cucina-Vino.

Para saber mais detalhes sobre o aplicativo, basta acessar: www.vaidevina.com.br

via assessoria

Compartilhar